"O desenvolvimento de uma Fé"

01/02/2016 10:00

Mensagem pregada no domingo, 31/01/2016.

1º texto:

“Caminhando Jesus, viu um homem cego de nascença... cuspiu na terra e, tendo feito lodo com a saliva, aplicou-o aos olhos do cego, dizendo-lhe: Vai, lava-te no tanque de Siloé (que quer dizer Enviado). Ele foi, lavou-se e voltou vendo” (Jo 9.1,6b-7).

2º texto:

“Levaram, pois, aos fariseus o que dantes fora cego. E era sábado o dia em que Jesus fez o lodo e lhe abriu os olhos. Então, os fariseus, por sua vez, lhe perguntaram como chegara a ver; ao que lhes respondeu: Aplicou lodo aos meus olhos, lavei-me e estou vendo. Por isso, alguns dos fariseus diziam: Esse homem não é de Deus, porque não guarda o sábado. Diziam outros: Como pode um homem pecador fazer tamanhos sinais? E houve dissensão entre eles. De novo, perguntaram ao cego: Que dizes tu a respeito dele, visto que te abriu os olhos? Que é profeta, respondeu ele” (Jo 9.13-17).

3º texto:

“Então, chamaram, pela segunda vez, o homem que fora cego e lhe disseram: Dá glória a Deus; nós sabemos que esse homem é pecador. Ele retrucou: Se é pecador, não sei; uma coisa sei: eu era cego e agora vejo” (Jo 9.24-25).

Observação:

  • As afirmações absurdas dos fariseus contra Jesus lhe fizeram ver mais claramente a verdade, e isso fortaleceu e desenvolveu mais a sua fé.
  • É interessante notar como ele vai se referindo a Jesus no decorrer do interrogatório:

(v.1): “o homem”

(v.17): “o profeta”

(v.33): “de Deus”

(v.35-38): “O Filho de Deus” ... “o adorou”

 

Nossa história através de nossos informativos

Últimas notícias

05/07/2017 18:17
Com a programação de aniversário...
03/04/2017 10:34
Após período usando o sistema...
23/12/2016 13:28
 À partir de janeiro dois dos...
1 | 2 | 3 | 4 >>

 

Agenda

Newsletter

Assine a nossa newsletter:

Baixe agora o nosso aplicativo